segunda-feira, 14 de junho de 2010

plead.



eu sou diferente...
não me defino pelas minhas fotos
nem pelas minhas poesias
não me julgue assim
não me fale de mim
não coloque caminhos em minha boca
não coloque palavras em meus pés
deixe-me ser eu e minhas venturas
que são minhas não suas
que você não me deu
as fiz sozinha.
caminhando todo dia por aí....
pode vir comigo se quiser
mas venha logo, antes que seja tarde
pois prefiro caminhar quando é manhã
sob a luz do Sol.


7 comentários:

Bruno Dias disse...

Boa viagem...

Pâmela Grassi disse...

se defines pelo caminhho do Sol :)

um beijo, mari! gosto deste canto!

Alice disse...

não coloque caminhos em minha boca
não coloque palavras em meus pés
deixe-me ser eu e minhas venturas
que são minhas não suas
que você não me deu
as fiz sozinha.

eu amei esses versos Mari.
que lindeza!

beijo

Gaby Soncini disse...

Lindo Mari!

Tem selo no meu blog pra ti ^^

Beijoss!

Ana disse...

Só porque me vi nos seus versos, que são mesmo só seus.

Que alegria!

Obrigada, flor. Suas palavras são cor!

Grafite disse...

Adorei aqui!

beeeijo,
*.*

Grafite disse...

"não coloque caminhos em minha boca
não coloque palavras em meus pés"
AMEI ESSA PARTE!
adoro esse jogo de palavras...

beiijo,
*.*